Sexta-feira, 2 de Janeiro de 2004

A vaca de fogo

A vaca de fogo é uma vaca vulgar, avermelhada, de patas brancas, sempre alegre e de rabo espetado. Uma vaca contemporanea e moderna como ela sempre sublinhava nas apresentações. Era do tipo de vaca que em vez de comer um fardo de palha, preferia a palha enfardada e bem condimentada.
A vaca de fogo sendo considerada por muitos uma bela vaca era no entanto muito solitária, vivia as suas noites em volta de um vibrador azul que dizia "mete monedas" sonhando com o boi maxo q sempre afuguentou com a sua timidez, ela achava que era a sua beleza que os afuguentava, tal Menina Augustine de Villebranche.
Um dia em Caxias enquanto esperava o seu mais recente amigo, em quem confiava as suas preocupações pelos problemas das amigas e lhe passava os speeds sem receita
A sua vida mudou. O Cordeiro Antunes reparou. o coração bateu bateu
No dia seguinte Antunes foi visita-la, estava sentada num sofá, em traje de chá, um tecido prateado, preso por uns broches de certas estranhas pedras lunares que sempre usava. - Oh dia mais afortunado da minha vida - exclama -, nada existe de comparável ao meu triunfo, reconduzo ao seio das virtudes o coração onde vou reinar para sempre, a mistura dos sexos, muito útil à propagação, podia muito bem não revestir esta mesma importância para os prazeres. Sobre seis anos de morta estou bastante enterrada de fresco. não! No desmaio...não! Na morte...não! Nem no próprio túmulo está tudo perdido. Doutro modo, não haveria imortalidade para o homem.
Ainda tinha o retrato na mão, quando a marquesa entrou.
- Igual ao pai! - exclamou, dirigindo-se a mim - Estes franceses! Mal chegou e já se apoderou de Dona Lucrécia. A Senhora de Strahlenheim tinha uma cunhada de nome Guilhermina, noiva de um jovem da Westfália, chamado Júlio de Ratzenellenbogen que se alistou como voluntário na divisão do General Keist. Isto dava uma alta ideia da minha piedade à marquesa e ao sacerdote que às vezes tentava falar comigo sobre Teologia.
Depois, fechou as pálpebras. Os lábios sorriam. Os movimentos do coração enfraqueceram, cada vez mais vagos, como uma fonte se esgota, como um eco desaparece; e quando ela exalou o seu último suspiro, julgou ver nos céus entreabertos, um gigantesco papagaio, planando sobre a sua cabeça.

Impia tortorum longos hic turba furores
Sanguinis innocui, non satiata, aluit.
Sospite nunc patria, fracto nunc funeris antro,
Mors ubi dira fuit vita salusque patent.(1)

(Quadra composta para um mercado que devia ser
construído no sítio onde existiu o Clube dos Jacobinos,
em Paris.)

publicado por Bisbilhoteiro às 02:43
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Jaime Cogumelo a 2 de Janeiro de 2004 às 21:35
Nem quero acreditar no que escreveste! É muito bonito! Vou apanhar ar, deste-me ideias.


Comentar post

.PodCast




.pesquisar na Vaca

 

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Katya Da Bimba

. Dicionário Japonês

. Blowtime

. Conversas com o Doctor Ho...

. Passion Pit: Manners

. Um asno sem sentido único...

. Relembrar a PAM#7

. Relembrar a PAM#6

. Relembrar a PAM#5

. Relembrar a PAM#4

. Youtube fuck off

. Relembrar a PAM#3

. A Vaca é Moral

. Conversas com o Doctor Ho...

. Paulo Pedroso chupa-me o ...

. FC PORCO é campeãum...

. História com continuação

. Ryu paneleira da praça

. Roisin Murphy para vocês ...

. Satanás Loves Padre Pedóf...

.arquivos

. Abril 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

.tags

. todas as tags

.links

.subscrever feeds

.Rádio FLAMA ETERNA

http://84.90.106.32:8000

.Translation

.Meter

eXTReMe Tracker

.Cena

blogs SAPO

.subscrever feeds