Terça-feira, 24 de Fevereiro de 2009

Conversas com o Doctor House

(continuação do post anterior)

 

Doctor House diz:
 é reles e mundano

Loja Zara diz:
 bem, eu aqui n fico
 vou-me passar, depois de 30 anos de opressão

Doctor House diz:
 nem tu nem eu, queremos mais, muito mais, nem que seja uma cena inatangivel para a maioria
 é a nossa cena

Loja Zara diz:
 vou ter a oportunidade de finalmente poder ser aquilo que quiser ser

Doctor House diz:
 mas qual é o teu point?
 é a saida dos papás?
 ja tiveste fora?

Loja Zara diz:
 não

Doctor House diz:
 nunca?

Loja Zara diz:
 nunca

Doctor House diz:
 nem um namoro com alguem 20 anos mais velho que te roubou durante uns dias?

Loja Zara diz:
 não
 nem isso
 já tive de férias fora de casa

Doctor House diz:
 tens uma estrutura adquirida, ganhaste uma maneira de estar convicta com a posição das tuas coisas, o teu espaço é delimitado pê-lo pó à volta dos teus livros, da tua cadeira

Loja Zara diz:
 e sozinho em casa durante as férias dos papás

Doctor House diz:
 tens coisas pregadas aos olhos
 tens o carácter cerrado e convicto da tua existência, física, e vais mudar aos 30

Loja Zara diz:
 sim...mas continuei a bater c a cabeça por certas merdas n darem, tenho esperança de aindar ter força e lucidez para me construir cm deveria ter feito

Doctor House diz:
 podes cair no egocentrismo desenfreado, das minhas coisas, do meu sitio, do eu é que sei, da intolerância com alguém te manusear o teu feudo
 estás preparado?

Loja Zara diz:
 não sei
 mas é um bom ponto, esse
 eu sou mt sui generis e fora do comum, portanto geralment n tenho medo de cair no comum
 embora acabe por cair eventualmente

Doctor House diz:
 a melhor dica que posso dar, é não ligares ao material, não ligues às fotos como registo da aventura, é tudo uma questão de processamento interno, o que realmente interessa são os momentos e omo ages neles,
 se deres prioridade a isso em prol do materialismo, podes viver onde quiseres

Loja Zara diz:
 acho q vou aproveitar para ter algumas coisas q até hoje nunca tive
 a primeira vai ser o respeito

Doctor House diz:
 podes ser o que quiseres, pelo menos tentares, mas se levares um baú de pensamentos e adornos de fotos e molduras, e cd´s, estás a levar uma âncora tua e para os outros.

Loja Zara diz:
 hmmm
 até agora tenho feito questão de deixar para trás as merdas todas
 nem a almofada levo
 mt menos a TV
 a informação apanhada até agora levo

Doctor House diz:
 é a maneira mais rápida de construires a tua vida, sem pesos do passado

Loja Zara diz:
 mas tenho formatações periódicas

Doctor House diz:
 o importante é o teu cérebro, as tuas energias, o teu dinamismo, a tua fé no processo que só tu podes guiar

Loja Zara diz:
 as vezes dá-me e formato os discos todos
 e começo do 0

Doctor House diz:
 e porque não? se isso te tira dúvidas ou receios, força, não podes é parar o que começaste

Loja Zara diz:
 sim, são palavras sábias

Doctor House diz:
 não pares

Loja Zara diz:
 mas é mais a surrealidade da cena

Doctor House diz:
 há pessoas que param, e nunca mais voltam a ser as mesmas

Loja Zara diz:
 tipo waaaaa universo paralelo assim de repente

Doctor House diz:
 eu tive o céu, e caguei, mas enquanto lá estive, absorvi tudo o que pude, até com o toque das mãos, para me lembrar desse céu, que um dia foi meu, mas caguei, porque não tenho o estofo e a vontade para me manter nele.
 sim
 é isso
 e podes fazer a melhor das introspecções, e a melhor resposta é: caguei porque quis, e não tenho qualquer vontade em voltar lá para cima. E quando és mesmo isso, passas-te para outra realidade. As pessoas mudam pelas razões mais acidentais e menos perceptíveis. Basta uma pinga de chuva até.
 Com isto quero realçar que és um heroi, e decidiste ir em frente, e isso é o melhor que um heroi pode e DEVE fazer. Mereces respeito, porque há muita gente, que se perde, que desaparece, gente que nunca até tentou, gente que se tramou, mas tu queres a mudança. Parabéns! E se tiveres dúvidas em salta da prancha para a piscina, fecha os olhos e salta.

Loja Zara diz:
 n me congratulo especialmente
 visto q devia ter tido coragem de bazar nem q fosse para debaixo da ponte
 mas isto há mais de 10 anos atrás...
 slowpoke

Doctor House diz:
 a idade certa é aos 30
 já não és puto
 e nao és cota
 és jovem
 tens poder e conhecimentos
 nao sei onde tiram a ideia que é aos 20 que tudo se faz
 fazer mal para ganhar traumas? naaaa
 aos 30 tens controlo emocional

Loja Zara diz:
 sim, resta esse contentamente de às vezes certos períodos que se consideram "inuteis" acabam por ser os mais férteis

Doctor House diz:
 tudo depende do valor que dás às coisas
 és tu e não os outros, o importante é isso
 os outros é uma expressão de natal

Loja Zara diz:
 na realidade foi a internet que me salvou
 permitiu alienar-me e explorar o mundo a partir do quarto

Doctor House diz:
 salvou-te só a ti?
 salvou-nos a todos que lá andavamos

Loja Zara diz:
 probably
 mas o meu caso é radical...vendo bem tudo o q tenho veio de lá praticamente

Doctor House diz:
 a internet que eu recordo, permitia ser alguém, com poder reconhecido, de escrita, de criatividade, de culturização, de integração de agrupamentos, de orgasmos metafóricos, e em última análise, reproduzia-se em jantares, que depois davam fodas, que depois davam jantares que davam em pares de cornos, foi uma vida que nos encheu ainda mais da nossa vida

Loja Zara diz:
 nca fui muito a jantares
 era mais one-on-one, acabei por conhecer pessoal valoroso
 agora até nas internetes trabalho

Doctor House diz:
 eu fui a uns dois ou três, dei mais fodas pela internet do que concertos que fui com o pessoal da internet, mas era a riqueza da comunicação na sua forma diária e os praticantes da mesma, de várias etnias e credos, tornaram tudo tão rico e absorvente, crescemos mentalmente com e para ela.

Loja Zara diz:
 ou seja, posso trabalhar onde quiser, quando quiser, etc

Loja Zara diz:
 é o que falta actualmente
 na internet

Doctor House diz:
 estamos nos 30
 aos 30, quem é anda pela internet?
 eu sei a resposta mas não a posso dizer
 mas digo
 andam todos

 só que uns, continuam enconados, e com cabelinhos à depressivo com gel a lembrar um ian curtis de pila pequena traumatizado
 e outros, deixam que a dignissima baleia esposa durma e ressone no seu pouso, para irem esgalhar uma para a internet, daí até foderem são 3 passos: H I 5
 são as prioridades da vidas
 uns alienaram-se em prol da familia que cresce do cão que mija no tapete, do lcd que não cabe no móvel tradicional português da sala de estar
 mas continuam lá, com horários e atitudes diferentes
 outros são os eternos prosaiscos do mp3, e da ceninha de fóruns de dEUS e nerdisses assim.
 isto não para, porque cada vez há mais gigabytes e mais baratos, é continuar a encher.

Loja Zara diz:
 mas sim, realmente, felizes dos pobres alienados
 todas as outras opções parecem de longe piores
 e são-no!

Doctor House diz:
 os robots das filas do colombo? vestem todos ao mesmo tempo, as promoções das camisolas verdas da C&A, e cheiram todos mal, também ao mesmo tempo. Até para ir cagar, fazem bixa, e sorriem todos ao mesmo tempo, e dizes: "kraftwerk" e eles impávidos, aceleram o passo, o puto cospe para o chão, a mãe gorila ofende-lhe ao de leve a vontade, e pagas 100 euros de picanha e rodizio num brasileiro, e lá
 estão estas familias, estes robots, onde putos correm À volta das mesas e chiam, chiam muito, com agudos que te cortam o cinzento mental, e as mães pavoneiam tiques adquiridos em circulos restritos da avon, e cujos maridos roçam ao leve o seu eufemismo no cabelo maricão do miguel veloso

Loja Zara diz:
 nao....já nem falo dessses, falo dos nossos camaradas da internet quem outrora pareciam seres humanos promissores
 hoje foram engolidos pela máquina

Doctor House diz:
 e tu pagaste como eles, mas não és como eles. Mas pagaste por uma injecção de realidade, afinal era um jantar, eram odores de restaurante gaúcho, era um atendimento requintado, onde te cospiam com uma tenaz a maminha no prato, mas não, não pode ser isso apenas, tens que levar o pacote inteiro, e juras nunca mais seres robot, e no dia a seguir rapas o cabelo à de niro num taxi, e matas três ou 4

 eles têm esperma, e dela fizeram crias que se cagam e sujam, e merecem toda a sua atenção de papás babados.
 queres o quê?
 Um ser moderno vive para três coisas:
 snifar coca, mostrar que trabalha, e ter um cão preto, um amigo gay e umas fufas por perto. Assim a casa nunca estará vazia.

Loja Zara diz:
 snifar coca é mesmo de mau gosto
 é tocar a campainha do pavlov sem o bife

Doctor House diz:
 eu odeio psicotrópicos, apenas me baseei no  que os "alternativos" pensam como acto único ao fim de semana livre.  É uma estética, chique e no-sense
 é uma auto-destruição confortável

Loja Zara diz:
 no-non-sense
 ya

Doctor House diz:
 é o mesmo que dizer: eu cocai-no-me todo

Loja Zara diz:
 mas isso é mais para as bandas de lx
 nota-se q a realidade que descreves é mt lx-centrica
 aqui no norte ainda é pior

Doctor House diz:
 e vocês familias com pilas pequenas e conas de sabão, façam muitas bolhinhas pela janela, façam todos ao mesmo tempo, porque eu vivo e vocês não

 somos todos iguais, não centremos o ghetto em lisboa
 a coca é cara, é branca chique, é arte, é como ver um river phoenix com aquela cicatriz na cara, e colocar nele as collants dos romanos, e mandá-lo limpar maximus em gladiator. É chique, é visual.
 Apesar de cobarde, e de amoral.
 Mas as famílias robots são piores!

Loja Zara diz:
 e depois tens os freaks new age
 que ainda são piores q os restantes
 absortos na própria superficialidade e hipocrisia
 q mundo este!

Doctor House diz:
 é o nosso mundo
 façamos por ele
 ou os queimas com fogo, ou com ácido, ou com lentes com o sol do meio dia
 ou então
 deixas-os definhar ao longe, e ris-te sempre que podes da incontinência da vida
 mas a verdade é uma:
 felizes são os tontos e inocentes são os ingénuos
 o resto somos nós: os sonsos, sínicos, de mera acuidade visual, de feitios postiços, melindrosos e curvilineos de vestes e perfis mentais subjacentes a um estado gémeos de horóscopo - sim a esquizo, está em todo o lado.
 Cabe a ti curares a doença do humano que pensa, todos os dias, ou então drogas que abafem toda e qualquer vontade em sofrer pelos demais. Deixa as putas e bruxas arderem em cima da joana do arco, sê mais recto e verdadeiro para ti: afasta-te, ganha forças supremas, e depois adapta-te a cada público alvo que ouse tocar-te na couraça, e abri-la-às a quem tu quiseres, porque tens esse dom.
 É fácil, basta não caires no conto do sonso e da sonsa, os maiores filhos da puta à face da terra, ao lado da outra que engravidou por poderes mágicos.

Loja Zara diz:
 sim, essa parte do afastar e ganhar forças e depois adaptar a cada público tb é algo que tb já concluí ser a melhor abordagem

Doctor House diz:
 estamos certos então, e se a certeza é a norma, acabamos de intimamente observar a nossa religião (só o homem é que tem o poder de criar cultos onde se fala do destino, que é o caso), havendo uma causa humana, o dogma formado pelo desconhecido passa a ser encarado como forma mera de filosofia, logo, já não tens esse peso às costas, dedica-te agora à equação do imediato: a satisfação
 paixão -> sexo -> amor
 ou sexo -> paixão -> amor
 depois consegues par
 evidencia isso nas tuas prioridades
 casa a dois permite viver a vida com todos os verbos de acção  casa a um, implica viver com estudantes ou pretos que vendem droga  o resto, já tens: toda essa inteligência que adquiriste, vai-te iluminar e recriar o caminho
 easy

Loja Zara diz:
 sim, um dos factores que pressionou esta saída também é essa falta de plenitude verbal a dois

Doctor House diz:
 exacto.


 


publicado por Bisbilhoteiro às 07:27
link do post | comentar | favorito
|

.PodCast




.pesquisar na Vaca

 

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Katya Da Bimba

. Dicionário Japonês

. Blowtime

. Conversas com o Doctor Ho...

. Passion Pit: Manners

. Um asno sem sentido único...

. Relembrar a PAM#7

. Relembrar a PAM#6

. Relembrar a PAM#5

. Relembrar a PAM#4

. Youtube fuck off

. Relembrar a PAM#3

. A Vaca é Moral

. Conversas com o Doctor Ho...

. Paulo Pedroso chupa-me o ...

. FC PORCO é campeãum...

. História com continuação

. Ryu paneleira da praça

. Roisin Murphy para vocês ...

. Satanás Loves Padre Pedóf...

.arquivos

. Abril 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

.tags

. todas as tags

.links

.subscrever feeds

.Rádio FLAMA ETERNA

http://84.90.106.32:8000

.Translation

.Meter

eXTReMe Tracker

.Cena

blogs SAPO

.subscrever feeds