Quarta-feira, 11 de Fevereiro de 2004

Maminha da Pretinha


A MTV americana decidiu transmitir o novo teledisco da cantora Britney Spears apenas em horários nocturnos. Uma alteração que surge após o caso polémico com a cantora Janet Jackson e Justin Timberlake no Superbowl. Porque "As plantas distinguem-se dos animais por só respirarem à noite" disse uma loira com MTV na mama.

"Foda-se pudicos da merda" - disse o Cherne.
 

"UM BICO! VI UM BICO! VOU MORRER DE CHOQUE!" - Disse o Paulo Portas homossexual constante. Mais chocante que isso é não terem deixado entar nos estados unidos o pessoal do buena vista social club para receberem os grammys :| e no entanto podes comprar charutos cubanos ha venda 

eu curto a mama dela, tão pretinha e flacida


publicado por Bisbilhoteiro às 19:45
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

História de uma família

Apresento-vos Marco, um típico homem de 50 anos.
Marco é desempregado, feio, tem pelos nos dentes, é mal-cheiroso, tem a típica barriga de cerveja, mania que é 100% activo apesar de ser impotente e ter uma pila de 6cm, adora que lhe lambam os pés e é um granda Cabrão.
Apresento-vos agora Carla de 52 anos, a mulher do Marco.
Carla é infinitamente gorda, extremamente feia, tem bigode e uma verruga cheia de pelos.
Carla é aquele género de mulher que acorda todos os dias com dores nas costas e só depois se apercebe que dormiu em cima da mama esquerda, e tem os lábios da Fifi-Bradovitchka a roçar nos joelhos.
Carla vive obcecada pelos canais de televendas, compra todas as merdas que pode e nunca as usa.
Apresento-vos ainda Ana de 19 anos, filha de Marco e Carla.
Ana é anoréxica, parece um palito com olhos mas acha-se sempre uma vaca gorda (ainda não podre e muito menos cheia de amor).
Estranhamente Ana é mulata, nem Marco nem Carla têm pele escura, mas nunca nenhum se preocupou muito com isso (Carla se calhar preocupou-se ao principio...)
E finalmente apresento-vos Ricardo de 24 anos, também filho de Marco (pelo menos assim pensa ele) e de Carla.
Ricardo é toxicodependente e bissexual, já há alguns anos que vende o cu (e não só) para arranjar dinheiro para o vício.

E assim é a história desta famila:

Dia 3

São 10:00h da manhã, Ana acorda depois de uma noite mal dormida, passa a mão pelos ombros e arrepia-se ao sentir a estranha penugem que nasceu desde que começou a perder peso brutalmente. Coça a crika e com muito esforço levanta-se.
Olha-se ao espelho e desvia rapidamente a cara pensando: -“Tou mais gorda que a puta da Fáfá de Belém!”
Os seus 38Kg parecem demais para a sua altura de1,80m...
Obviamente ninguém liga nenhuma a isso em casa...
Ana tem fixação por Nerds, adora rapazes com camisolas de flanela aos quadradinhos, calças de bombazine vermelhas e óculos fundo-de-garrafa com armação bem grossa e preta.
A caminho da casa-de-banho cruza-se com Ricardo, olha para ele com desprezo e diz: - “Sai-me da frente cagalhão cheio de varizes! Tenho mais que fazer que olhar para ti!”
Antes de sair de casa passa pela cozinha onde está reunida a família, tira uma nota da carteira de mãe e sai sem dar satisfações a ninguém. Na rua está sempre vento para ela, a mais leve brisa dificulta-lhe o andar. A praguejar por todos os lados encontra pelo caminho um xoninhas. Sorri-lhe... passa a mão pelo peito... ele sorri de volta... vão para o mato... embrulham-se... ela geme... grita... “PENETRA-ME FUNDO!”... e assim ele faz... fura-a de um lado ao outro... a fraca carne não ofereceu resistência... Ela cai no chão, o pouco sangue que tinha abandona rapidamente o corpo... e aos poucos desaparece.O xoninhas baza como se nada tivesse acontecido.
Será que morreu feliz? Terá sido verdadeiramente feliz na vida nem que tenha sido só por um momento?
Nunca saberemos...

Dia 3


São 10:00 da manhã, Ricardo levanta-se e vai-se prostituir, precisa de dinheiro para a droga. Marco e Carla estão na cozinha a olhar o vazio, assim ficarão durante algum tempo.
A vida continua...


Dia 12

São 10:00 da manhã, Marco está na cozinha com a mulher a olhar o vazio. Ricardo já saiu de casa, continua na droga e na prostituição..
Marco recorda-se de quando era jovem.... Tanta foda que deu! Algumas até com raparigas menores de idade, mas na altura isso não interessava, o que interessava era fornicar até ao fim do dia.
Marco farta-se e levanta-se, vai ao café encontrar os amigos e embebedar-se mais uma vez. Ele não se preocupa com a vida de Ricardo, desde que este não lhe peça dinheiro está tudo bem, já tem dívidas por todo o lado e com toda a gente, passa os dias a esconder-se dos credores.
E hoje não é o dia de sorte dele... no café encontra 5 “amigos” a quem deve dinheiro, discutem... os “amigos” agarram nele... levam-no para a rua... enchem-no de porrada, partem-lhe quantos ossos podem... e atiram-no para o caixote do lixo...
Marco sente dores em todo o lado, não se consegue mexer, não consegue ver, um olho foi arrancado, o outro está coberto de sangue.
As horas passam e nada... ninguém... não tem forças para gritar por socorro... ouve um barulho... NÃO!!!... o camião do lixo!
Marco sente o caixote a ser içado... é despejado junto com o lixo... ouve a prensa a trabalhar... e é lentamente esmagado... o corpo dele lentamente desaparece.
Será que morreu feliz? Terá sido verdadeiramente feliz na vida nem que tenha sido só por um momento?
Nunca saberemos...

Dia 12

São 10:00 da manhã, Ricardo levanta-se e vai-se prostituir, precisa de dinheiro para a droga. Carla está na cozinha a olhar o vazio, assim ficará durante algum tempo.
A vida continua...

Dia 20

São 10.00 da manhã, Ricardo sai de casa para a sua vida, hoje sente-se diferente... mais vazio que o normal... Olha para a mãe sentada na cozinha e para a cadeira vazia ao lado dela e sente algo estranho, parece que falta alguma coisa, mas depressa esse sentimento passa. Carla sente-se triste... e olha tristemente para a televisão onde vê como sempre as televendas... ela pensa em comprar uma PS2... parece ser divertida! Corre para o telefone e encomenda o tão magnífico aparelho.
Ricardo tem um cliente ás 10:30h perto da estação dos comboios. Corre para lá para não chegar atrasado, precisa urgentemente de dinheiro para alimentar o vicio.
Pelo caminho pensa na vida... no vazio crescente que tem dentro dele, na solidão que vive.
Como ele gostava de amar um dia... sentir a vida num beijo... ter o mundo num carinho... poder sorrir com o olhar...
Encontra finalmente o cliente, um preto matulão, vão para um sitio abrigado e o preto come violentamente o cu de Ricardo. O preto vem-se dentro dele, sobe as calças, dá-lhe uma nota e vai-se embora. Ricardo não se preocupa com a SIDA... com as trocas de seringas que já vez já a deve ter de certeza, ele não se preocupa... muito pelo contrário... assim é menos uma preocupação que tem. Mas depois deste serviço sente-se ainda mais vazio. “Que sentido tem a vida? Que sentido tem a minha vida? Para quê viver?”
Uma lágrima sai-lhe do olho e percorre-lhe a face. Enquanto anda ao lado da linha do comboio ouve o TGV a aproximar-se.. ele pensa... ele não pensa... ele atira-se contra o TGV, acaba com o sofrimento. Chove carne e sangue nas redondezas durante os 15 minutos seguintes... mas lentamente desaparecem.
Será que morreu feliz? Terá sido verdadeiramente feliz na vida nem que tenha sido só por um momento?
Nunca saberemos...

Dia 20

São 10:00 da manhã, Carla sente-se triste... e olha tristemente para a televisão onde vê como sempre as televendas... ela pensa em comprar uma PS2... parece ser divertida! Corre para o telefone e encomenda o tão magnífico aparelho.
A vida continua...

Dia 31

São 10:00 da manhã, Carla não largou a PS2 desde que a recebeu no dia 21. Não come, não dorme, não mija, não caga. Durante 10 dias seguidos não fez outra coisa. Nem repara no corpo em decomposição do seu gato que jaz ao seu lado que não alimentou durante esse tempo. Finalmente o seu corpo cede, Carla morre silenciosamente agarrada ao comando da PS2. O seu corpo desaparece lentamente.
Será que morreu feliz? Terá sido verdadeiramente feliz na vida nem que tenha sido só por um momento?
Nunca saberemos...

Dia 31

A vida continua...
4 pequenos pontos abandoram este mundo, no meio de 10 biliões não fizeram diferença nenhuma... 10 biliões que constantemente aparecem e desaparecem.
Alguns estão contentes, outros estão tristes, uns choram, outros riem, uns velam, outros rezam, uns amam...outros não... no fim... todos morrem sozinhos...
A vida continua...

publicado por Bisbilhoteiro às 13:29
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
Terça-feira, 10 de Fevereiro de 2004

Outside us

Citações lá fora:

No blogue Memória Virtual

“Vaca podre recheada de amor” – Humorístico, com alguma consistência, “heavy”.

No blogue Renas e veados

FORÇA SUPREMAAAAAAAAAAAA!!! PODER DA PISTA DE DANÇA DO MR. GAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAYYYYYYYY!!!! ecoará na minha cabeça até ao último dos meus dias.. *gargalhada total* - que estupidez, o blogue chama-se Vaca podre recheada de amor

No blogue Grandes

uau, sincronismo édipiano mas etílicamente fálico, dizes tremendas words lux.blogs.sapo.pt Vaca Podre Recheada de Amor > Delirante, criminoso, psicadélico, brilhante, génio punk.

No blogue Gang do Zé

Vaca Podre Recheada de Amor - Enfim

Na página Blogayesfera

VACA PODRE RECHEADA DE AMOR - Blog da Futa e do Futo futas, comunas e reaccionários como operários Javardix não paga nix blog das futas, bebados e conhos (...)


publicado por Bisbilhoteiro às 06:23
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Os gordos da PTnet - IRC

Uma IRCop e um teclista de uma conhecida banda pop

A mesma ircop... 2 anos depois da foto anterior

O gajo mais velho da PTnet

Um IRCadmin

Um Anjo gordo

O gajo mais velho da PTnet .. 

com uma das gajas mais boas da PTnet , a cena habitual

PiNaS ircop

To ircop

DrFink, Gordo dos Bandemonio


publicado por Bisbilhoteiro às 06:03
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 9 de Fevereiro de 2004

Terror no cabrinho de cabras

TERROR NO CAMINHO DE CABRAS

Estava vento, Petrolina passeava pelo campo olhando as flores e escutando os passarinhos que animavam maravilhoso fim de tarde. Sentou-se numa pedra e ali ficou a observar o pôr-do-sol completamente desligada do resto do mundo.
Já não pensava mais no Tóni, tinha finalmente conseguido libertar a sua cabeça das más memórias que Tóni lhe tinha deixado.

Uma foda, um comentário para essa intervenção....nem tão pouco procurava nada. O ânus era reluzente, isso chegava. Petrolina era isso mesmo, uma puta.

Tóni agora apodrecia lentamente na cadeia do Linhó culpado pelo duplo homicídio da sua ex-namorada e do novo namorado dela.
Petrolina acordou do transe que a mantinha a olhar o pôr-do-sol quando ouviu o som do motor enferrujado da “DT” do seu novo namorado: o Bernardo. (Petrolina era uma rapariga muito versátil, mudava de namorado como quem muda de sapatos)

25 centímetros de pila dentro de Petrolina, é claro que ela não pensava noutra coisa. Insana apenas. Ali desmembrada de pernas abertas, em litigio consigo mesmo: a moral: “Mas vou ou não bater uma?” – pensava...

Levantou-se e começou a correr de braços abertos em direcção ao seu novo amor. Quando chegou perto dele parou subitamente e deu um grito lancinante por observar que as roupas dele estavam sujas de sangue. Bernardo percebeu logo o que se passava.
-
Petrolina deu um grito horroroso com se estivesse possuída pelo demónio. Bernardo em pânico olhou para a cara de Petrolina e reparou que ela estava branca como a cal e perguntou-lhe:
- O que foi meu amor???? O que aconteceu?
Petrolina, quase imóvel pelo terror, desmaiou..
Depois gritou:
- LEVA-ME PARA CASA. PERDI A FOME!

Passei a noite nas urgencias destrui a caixa de telefone e o policia emprestou.me dois euros

Queridinho, o que fazes aqui?

Fartei-me da chata da Deolinda que só anda agarrada ao telefone e vim saber se não queres ir ao Shopping comprar umas roupinhas.
-
Enquanto iam os dois alegres e felizes para o Shopping pelo caminho de cabras atravessou-se o Tóni à frente do carro. Petrolina gritou acompanhada pelo Sidónio. Tóni aproximou-se e arrancou a porta do carro, olhou para a Petrolina e, com os olhos raiados de sangue, disse:

FAZ-me um broxe!

- PETROLINA! Esqueci-me de te devolver o creme das mãos que me emprestaste. TOMA!
-
Sidónio olhou para a Petrolina e perguntou:
- Quem é o giraço?? Não me vais apresentar?
-
Porra a caixa de liquido tava invertida , sentei-me , tinha os p´pos de de vapor anterior e tinha afiado a naifa, quando, de repente, ouviu-se o silvo de uma lâmina a rasgar o ar e a enterrar-se na carne tenra de alguém. Os olhos do Tóni abriram-se subitamente e, saiu veneno de rato!

- VOU-ME VINGAR PETROLINA! Vais aprender a não largar ninguém sem aviso prévio.

Os Placebo são a banda perfeita. 1 bi,1 straight e 1 gay

Bernardo começou a correr em direcção ao carro com uma moto-serra nas mãos. Petrolina não conseguiu sair do carro porque não sabia tirar o cinto de segurança, Bernardo atirou-se com a moto-serra para Petrolina e transformou-a em carne picada.

E começa a chover.

Sidónio, ao ver aquela chacina, desatou a correr com a sua malinha de mão e... SOU UMA MULHER!!! E senta-se a beber um copo de chanaoirse com as novas pelugens do bigode que anda a crescer e ensina-lhe os ténis à boxeur que estão agora na moda.... Quando olhou para trás viu que Bernardo o perseguia com sede de sangue, sede de vingança, apanhar um pifo foder a cana á facada e destruir propriedade publica , ser ajudado por bofia e regressar sem penso.

Sidónio apercebeu-se que não dava para correr no campo de saltos altos quando tropeçou e caiu. Quando deu por isso Bernardo já estava em cima dele. Sidónio entrou em pânico ao ver a moto-serra a aproximar-se da cara dele quando, subitamente, uma nave espacial parou cima dos dois. Eles olharam para cima surpresos com o acontecimento. De repente, do centro da nave saiu um raio que os fulminou e os transformou em frangos, que sempre que davam um peido era para dentro do cu numa garrafa e enviada para um departamento de guerra química nos estados unidos, com a bandeira americana por trás. A nave partiu, e o único som que se ouviu foi uma gargalhada sádica que saia da nave e que se afastava rapidamente. Mas essa gargalhada não acabou, ecoa eternamente naquele caminho amaldiçoado, onde os inocentes foram chacinados... E depois acaba o dia.

Adaptação de sidsidsid a um texto de BEARGOD

publicado por Bisbilhoteiro às 21:03
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Britney SPears

De acordo com o jornal britânico 'The News of The World', Britney Spears ter-se-á mesmo perdido numa maratona de "72 horas de sexo selvagem" - com muito álcool à mistura - durante as quais só não terá valido arrancar olhos. "Ela depois recorreu a drogas para conseguir ir à rua, e quando foi ao café ainda consumiu mais drogas"- diz Beatriz Paulo Rêgo, vizinha do andar de cima do dito café. "Drugada!" - e sem papas na lingua, é a frase do momento da Isabel Paulino vizinha também do mesmo café.

"oh. é um filme pra rir. Fouda-se" - diz Cesaltina Vieira, amiga de uma amiga de Britney Spears". Ela apanhada na rua com mais gente ainda liberta a frase que despoletou cenas de pacandaria : "voces têm a mania das novelas". Jonatas rapaz másculo de 1,68, jogador de ping pong pelo Famalicão FC, dispara ainda: "Novelas é aquela coisa de rezar o terço durante 9 semanas não é?". E DEU-SE! PORRADA NO ALVIELA!

Isaltino Vieira cégo Lacerda Mota, no meio da zaragata pergunta-nos, a nós repórteres geniais da vaca, ainda: "e como é que se chama aquela cena de se rezar 100 avé marias de uma só vez?", Albano Cipestre, reformado e viúvo, diz: "nove terços às nonas-feiras", em simultaneo com Cabrita Fernandes: "chama-se opteron on esteroides com programa catolico em cd-rom".

publicado por Bisbilhoteiro às 20:42
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Cenas maradas, bubas, resoluções e disparates...


Isto está escrito desde alturas do ano novo .. vai tarde, mas vai ...

Buuurp....



Peço desculpa... esta coisa das comidas de Natal e ano novo são uma coisa complicada. Trabalham muito no estômago !!



Isto é engraçado. Mas adiante, que afinal, o que interessa no ano novo. É as bubas e as resoluções de ano novo que conta ao povo.



Faz-se notar um perigo possível das bubas, que enquanto uma buba moderada aquece a companhia para uma interessante queca, em potencial (a história de beber demais e de na manhã seguinte a gaja sair bué feia não funciona só para o lado de a gaja ser feiosa não... pelo menos é o que me diz uma ou duas fontes confiáveis no dominio das gajas interessantes ;) ).


Mas aqui o que interessa é que uma buba grande demais, só lea a que n se lembre de nada da noite anterior, logo não se pode aferir a qualidade da noite, pra n falar que quecas e ressonos só funcionam com sonâmbulos...!! Adiante...





Desejos de Ano Novo...




  • a Manelinha podia perder o juíz... aliás, a carteira ... hmmm... da maneira como falei até parecia que a gaja tava a ser comida por um juíz... antes tivesse, que mal dela era sexo, mas acho que a justiça ainda não chegou a tal estado de desespero...


  • Que se calem com a merda da casa pia... Vejam lá se me resolvem essa merda, para pararem de me abusar dos ouvidos!! Esta merda devia ser punida por lei, não há porra de sitio onde não ouça falar nessa coisa!


  • Ser aumentado a meio do ano. Mas prontos, isso toda a gente quer...


  • Ganhar a lotaria ou o totoloto... a ver se jogo pelo menos uma vez.


  • Era fixe se a malta cagasse um bocado nas cenas do social e do parecer bem e tal ... podia ser que passassem a haver menos... como se chama o Bichinha que se queixava que na Judiciária não havia roupa de marca ?


  • Mais alguns há, mas porra, tb n vos posso dizê-los todos, e eu sou um sacana preguiçoso para estas coisas :)




Resoluções:

  • Pá, tipo... casa nova era nice. Acho que me mudo este ano


  • Carro tb era cool. Vamos a ver o que se arranja.


  • Limpar a cabeça. Às vezes é preciso, é como limpar a casa... Há cenas em certos recantos que têm de ser recicladas :)


  • Tirar a carta de mota... Tou farto de não poder cravar umas voltinhas ao volante dos motões... :)



E pra não me chamarem mal educados, BOM ANO de 2004.



publicado por Bisbilhoteiro às 14:59
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Domingo, 8 de Fevereiro de 2004

Não

É o cansaço , farto de não ver , cada dia mais um, e eu , cada dia mais farto .
Estar aqui onde ninguém me faz companhia , onde me motivam pela ameaça , pela insegurança , por uns que dizem o que se deve fazer sem nunca o terem feito.
Morrer não deve ser assim tão mau . É mais um instante , desabafo final , o fim do filme com créditos finais em luto.
E quem cá fica , que se aguente , veja as coisas como quer .
Ir para longe.
Sair de mim , pensar no que se faz hoje e só hoje , amanhã não interessa.
O Futuro , hipotequem as vidas na melhor altura para poderem ter Futuro.

publicado por Bisbilhoteiro às 22:22
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

As Aventuras da Traveca Sandy 'Shkindô

Joel Manel é um rapaz de vinte e dois anos. Não há mais nada que lhe interesse do que um par de mamas. Se vê uma rapariga bem gira e bem feita, manda bocas foleiras. A semana passada, um gay piscou-lhe o olho e os seus amigos tiveram que o segurar para Joel Manel não rebentar o gay à porrada. Joel Manel é magro mas é um excelente karateca e o grande sonho dele é de poder encostar todos os gays a um muro e matá-los a tiro à frente das mamãs enquanto obrigava depois os pais a carregar os corpos para a vala comum.


Joel Manel costuma ir com os amigos ao cinema e depois vão comer uma Pita Shoarma antes de irem fazer drag-racing para a Ponte Vasco da Gama. É neste serão de Sábado que a nossa aventura começa para Joel Manel.
Joel Manel acabou de bater uma punheta enquanto metia o dedo na krika de uma rapariga que engatou na rua, e enquanto lhe beijava as mamas e os mamilos, e quando se veio empurrou a gaja e disse: “Sai daqui, puta! És boa mas não preciso mais de ti!”


Joel Manel entra no carro, ajeitando o sexo já mole e as raparigas gritam e os machões batem os pés no chão, aprovando a presença de Joel Manel. Ele entra no carro e acelera em seco, enquanto a rapariga acena e faz um gesto descendente e a corrida começa! (Não, não ando a jogar muito Need For Speed Underground!)
Joel Mete a primeira... vushh... a segunda... vuushhh!!... a terceira VuUsShHhH!... a quarta.... VUSHHH!!... A QUINTA... VUSHHHNWEEEEEEEEEEEEEEEEEEE!!!...
Mas um carro mais potente tenta ultrapassar Joel Manel e quando estão mesmo lado a lado, o desconhecido dá um encontrão no carro e Joel Manel perde o controle e começa a guinar, a guinar!! E o carro vira-se!! E capota!! E bué de acidente!!! Quando tudo acaba, o carro está a fumegar, mas Joel Manel consegue sair ileso. O estranho sai do carro e olha para Joel Manel, tirando o capacete! Joel grita: “TU!! TU, cabrão!!!”, o estranho ri-se: “Sim, sou eu!!! Hahahahaha.... Deste cabo do meu namoro e agora não vais sair daqui vivo!!”


A multidão acerca-se, as raparigas gritam e os homens vaiam e incentivam Joel Manel. O estranho dá dois passos em frente e sorri maldosamente, com sede de vingança.
Joel: Se pensas que me vais vencer, estás muito mal enganado, foda-se!
Estranho: Isso é o que tu pensas, PREPARA-TE PARA DESAPARECEEEEER!!!!
**Imagem de uma espécie de varinha com uma estrela na ponta e uma mão que por lá passa**
“QUEER POWER PRESENT!!!!”
**Música: Sailor Queer… tu ru ru ru ru ru ru ru ru, TU RUUU!!!, Tu ru ru ru ru ru ru ru, TU RU... SAILOR QUEER!!!***
**Imagem de uma mulher a encher-se de luvas brancas Dolce & Gabanna, vestido completo em tons caramelo e matiz chocolate da Chanel, botas até ao joelho em vinil brilhante Prada. Acessórios: brincos de ouro Tiffany’s e baton rouge da Gemey.**
**Música continua: Tu ru ru ru ru ru ru ru, Tu ru ru ru ru ru ru, Tu ru ru RUU... SAILOR QUEEEEER!!!**
O estranho é a BIXA LALAYA!!!


Sou a SAILOR LALAYA!! Sou uma grande bixa do corte e costura!! Roubaste o meu namorado e por isso não te vou perdoar!! Em nome da AMÁLIAAAAA, vou-te castigar!!!
Joel Manel olha para a Bixa Lalaya e os olhos tremem: “Não, tu não podes fazer-me isso à frente de toda a gente!”
Da multidão uma senhora gorda e cheia de genica que lhe grita: “JOEL MANEL!! Sou eu, a Tia Birinhas! Usa os teus PODERES!!!”
Joel Manel sorri e mais uma varinha aparece!!!
“TRAVESTI POWER PRESENT!!!!!”
**Música: Tchan tchan tchan!! Sailor Sandy, Sailor Sandyyyy… lá lá lá lá lá... Sailor Sandy, Sailor Sandyyyyyy....**
**Imagem de uma mulher com cabelos louros enormes e falsos Rachel Welch, luvas rosa xok brilhantes Prada, vestido azul claro com lantejoulas Sheisido, mini-saia, azul com matiz caramelo Blahnik e sapatos de salto alto vermelho berrante Jimmy Choo. Brincos Tiffany’s e sombra para olhos, pó de arroz e baton vermelho MAC**
**Música: Tchan tchan lá lá lá... Sailor Sandyyyyyyyyyyyyyyyyyyy!!!!**
Joel Manel é a TRAVECA SANDY ‘SHKINDÔ


Sou a TRAVECA SANDY ‘SHKINDÔ!!! Sou uma bela traveca do espectáculo e da magia! Rebentaste como meu carro e isso não posso perdoar! Em nome da WHITNEY HOUSTON vou-te castigar!!!
A Sailor Lalaya correu eu direcção da Sandy ‘Shkindô, mas esta deu um salto e desviou-se mesmo a tempo. Aproveitando que a inimiga estava de costas, atacou!
“PODER DO VOCALIZO DA CHEEEER!!!!”
Um raio turquesa brilhante cheio de esferas violeta, foi disparado na direcção da Sailor Lalaya. Do raio ouvia-se o som: “Do you believe in life after love, after love, after love, after love, after love…”! Que atingiu Lalaya nas costas. Lalaya rebolou no chão e quando tentou levantar-se, mas levou um pontapé valente da Sandy. Dobrou-se cheia de dores!
Sandy preparou-se para eliminar Lalaya com um último golpe, o seu cabelo louro Welsh esvoaçando, mas Lalaya desapareceu de repente e apareceu atrás de Sandy, atacando:
“ATAQUE DO ESPÍRITO DA PRINCESA DIANA!!!!”


Uma grande esfera explodiu das mãos da Sailor Lalaya e cresceu, escurecendo tudo em volta e abrindo um portal para uma dimensão alternativa, de onde apareceu um Mercedes Benz que vinha a 180 à hora na direcção da Sandy ‘Shkindô. Atrás do carro estava uma imagem de Lady Di numa expressão de fúria, garras em riste e um véu branco brilhante a esvoaçar, como um fantasma gigante em wallpaper atrás do Mercedes.
Sandy tinha que aparar o golpe!!
“INVOCAÇÃO DO PODER DAS DIVAAAAAAAAAAAAAAAAAAS!!!
Raios azuis e roxos rebentaram em volta de Sandy, protegendo-a, enquanto à sua frente duas imagens de mulher apareceram, ainda indefinidas. Sandy gritou:
“INVOCAÇÃO MADONNA E KYLIE MINOGUE!!!!


Madonna apareceu com o seu vestido do vídeo do “Frozen” e Kylie apareceu com o vestido esvoaçante do vídeo “In Your Eyes”.
Ouvia-se a música da Madonna: “You only see what your eyes want to see...” e Madonna e Kylie elevaram-se no ar, levando os dedos indicadores à testa, criando um escudo protector para Sandy, enquanto com a mão livre lançavam uma força bloqueadora para impedir o Mercedes. O fantasma da Lady Di que estava atrás do Mercedes subitamente transformou-se numa caveira tenebrosa e o manto branco brilhante transformou-se num manto podre e corroído, enquanto as garras aumentaram e as unhas cresciam. Uma aura negra explodiu atrás do fantasma e este gritou bem alto para o ataque. O Mercedes ligou os máximos e aumentou a velocidade, cada vez mais rápido. Como se não bastasse, Lalaya fortaleceu o ataque:


“PODER DO PRIDE GAYS UNITED!!!”
Apareceram ao lado do Mercedes que se aproximava a toda a velocidade, uma multidão de espíritos gays, com uma grande bandeira do arco-íris. O som resultante era de uma horda de espíritos prontos a destruir Sandy e o seu alter ego homofóbico!
Ouviu-se a voz da Tia Birinhas ao longe:
“SANDY! USA O TEU PODER SUPREMO!!”
Sandy respirou fundo, enquanto Madonna e Kylie mantinham o campo de energia. Fechou os olhos, concentrou-se, uniu as mãos como numa saudação indiana e berrou o mais alto possível:
“FORÇA SUPREMAAAAAAAAAAAA!!! PODER DA PISTA DE DANÇA DO MR. GAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAYYYYYYYY!!!!!”
O tabuleiro da Ponte Vasco da Gama rebentou e as pessoas gritaram, enquanto as ondas do Tejo ameaçavam levar a ponte consigo. Tudo escureceu mesmo por completo, apareceram luzes de todas as cores e uma música potentíssima atroou pelos ares da capital:


“All my love is up to you, got no reason to go through, baby you know you make me blue, but I wanna get better…. Aaaaahhhh!! GET BETTER!!!”
A pista encheu-se de travecas, todas as travecas de todos os tempos, todas juntas. Todas juntaram puderes e uma esfera branca, tão branca que quase cegava, saiu disparada em direcção do Mercedes, do fantasma e da horda de bixas loucas!!


As invocações da Sailor Lalaya e da Traveca Sandy ‘Shkindô colidiram mas ao contrário do que se esperava, tudo parou, como numa grande fotografia. Sandy baixou os braços e Lalaya fez o mesmo, as pessoas ficaram quietas mas algumas murmuravam. Tia Birinhas estava à beira de um ataque de nervos... o silêncio e a imagem congelada da Madonna e da Kylie no ar, lançado poderes contra o Mercedes juntamente com as travecas, a cara do fantasma da Lady Di, tudo completamente congelado. Sandy e Lalaya afastaram-se do que agora parecia ser um grande monumento de mármore e cores em que tinha resultado o ataque.


Tia Birinhas disse: “Estou a ouvir qualquer coisa...”
Um som crescendo de sons de gritos e morte intensificou-se e subitamente a imagem que tinha parado, retomou a sua marcha sem qualquer aviso, como se nunca tivesse parado nem um segundo. A barreira de Madonna e Kylie não resistiu e o poder das Travecas dos Tempos não abrandou o Mercedes minimamente, este atingiu Sandy em cheio, ao mesmo tempo que a horda de bixas fantasma e o espírito da Lady Di passava, uivando, desaparecendo na noite...
A Ponte Vasco da Gama voltou à normalidade como se nada tivesse acontecido e no meio da desolação e do silêncio, estava o corpo da Sindy ‘Shkindô. Não apresentava sinais de vida.


Sailor Lalaya aproximou-se dela e pisou-a com força e disse: “Mereceste, cabra! Eu sabia que nem com esse teu disfarce de homofóbico me escapavas.
A Tia Birinhas desatou a chorar e correu para a Sandy ‘Shkindô, berrando e gritando de tristeza, enquanto Lalaya entrou no seu carro e foi-se embora na direcção do Montijo...

publicado por Bisbilhoteiro às 04:34
link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito
Sábado, 7 de Fevereiro de 2004

A turminha do Mantorras

Liberdade de Jesus Narigueta Perna Torta Banha
Cidália Calçada Descalça
Norlinda Rapa Buraco
Maria Ténia Viu Vultus
Etelvina Vaca Cabeça
Joaquim Cuecas
Luis Fortes Lopes Carago
Maria Teresa Rabo Bacalhau Molho
António Agostinho Chouriço Junior
Maria Bem Grosso
Joaquim Bagina
Paulo Puns Dá
Maria Trombasia
Ignácio Bufa Bucelato
Maria Salva Um de Cada Vez
José de Sousa Rabito Magro
Maria Augusta Rata Seca

e o imcomparável...

Revigres[FCP]: AO menos farias uma crítica como deve de ser, aquilo está mesmo com organizações de ideias mesmo muito más, mesmo á puto de primária. Nem chega a ofender

publicado por Bisbilhoteiro às 20:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.pesquisar na Vaca

 

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Katya Da Bimba

. Dicionário Japonês

. Blowtime

. Conversas com o Doctor Ho...

. Passion Pit: Manners

. Um asno sem sentido único...

. Relembrar a PAM#7

. Relembrar a PAM#6

. Relembrar a PAM#5

. Relembrar a PAM#4

. Youtube fuck off

. Relembrar a PAM#3

. A Vaca é Moral

. Conversas com o Doctor Ho...

. Paulo Pedroso chupa-me o ...

. FC PORCO é campeãum...

. História com continuação

. Ryu paneleira da praça

. Roisin Murphy para vocês ...

. Satanás Loves Padre Pedóf...

.arquivos

. Abril 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

.tags

. todas as tags

.links

.subscrever feeds

SAPO Blogs

.subscrever feeds