Terça-feira, 14 de Novembro de 2006

Já se pode engatar em Fátima

A ameaça invisivel vai a caminho hoje.

Esta é uma viagem a um ambiente nunca visto na televisão,

uma princesa despida que é raptada, e dada a pressões educativas,

e à porta da escola esperam por ela para lhe acometer da vassalagem.

Mas algures, ela quer mais, porque está a ser violentadamente violada,

não se sabendo a causa, só sabe que uma medida maricona do ministério da educa,

e os profes aos berros,

em menções terroríficas,

ficando a ministra mais louca ainda.

Nem o Spock orelhudo.

 


publicado por Bisbilhoteiro às 21:01
link do post | comentar | favorito
Domingo, 12 de Novembro de 2006

Na Europa com a boca toda

Eu nem consigo tirar a mente de ti,

um sorriso de nova vida, até pode ser,

eu nunca soube ter estes deja-vus

como se me mantivessem num estado futuro

só para saber reticências do passado,

nunca o fui,

e por isso, noites e sexo

carne com carne.

A procura pode ser tudo menos facturante.

E nem me revejo a amar algo tão directo

como focos de luz e copos pagos, e perdões por engatar mal.

 

 

tags: ,

publicado por Bisbilhoteiro às 03:50
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 10 de Novembro de 2006

Lisboa ao fim-de-semana à pressa

As meninas sobem a ladeira

irradiadas pelo deus sol,

e mal lá chegam a cima,

desnutridas e suadas,

dos 50 graus do cume próprio dos costumes.

Despem-se, e tocam-se com suas mui linguas bonitas,

e tornam-se uma massa de tentáculos,

enroscados investindo num cenário de orgia,

e dão beijinhos húmidos deixando trocar líquidos

de suas bocas com carnosos lábios.

E cheira a vulva senhores,

no cume do senhor,

as meninas brincam com trincas quentes

adentro de vaginas reboladas como mioleira ou fiambre,

ali abertas na jazida cona de cada uma.

 

Fui a Lisboa.

Apanhei uma boa.

Fodia-a com fotos de telemóvel,

hoje matou-se num andaime que dava para o Lux.

memórias dessa esteva assim numa quadrado a cores,

e depois até podia ser a alma dela,

ou um vigário metafísico.

Um cigano! Um LELO!

Um ladrão rebelde dos nossos costumes caseiros.

 

tags:

publicado por Bisbilhoteiro às 04:19
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 9 de Novembro de 2006

Mulheres

Não, eu prezo-me em evitar de fazer referências ao Martinho da Vila, as mulheres de que vou falar são aquelas que eu conheço.

As mulheres modernas e emancipadas que nos rodeiam, que têm telemóvel 3G com MMS, que conduzem um carro para mulheres e que fazem manicure francesa.

É algo de inatingível para mim, lidar com as mulheres de hoje em dia, não sei se será trauma ou se eu sou um  atrasado qualquer que parou no tempo à espera de tempos melhores.

Eu nem me devia queixar muito, pois sempre me tentei convencer que um gajo sózinho é que está bem, a tentar me enganar e a arranjar desculpas para a minha ocasional solidão. Mas nem sei se a espera pelos interregnos "ocasionais" é vale a pena ou... Se eu preciso mesmo de ter uma mulher.

Precisar... Necessitar?

E depois? Começa a "Saga" de NOVO!?

Solidão: mata ou fortalece?

 


publicado por fenomenal às 13:48
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 7 de Novembro de 2006

Cabra do Trance

É extraterreste, não!

Onde é que está?

Com efeitos espaciais,

a dançar na pista

e a foder-te os cornos,

porque fodeu com o dealer da pista.

 

 


publicado por Bisbilhoteiro às 11:59
link do post | comentar | favorito

Cidade Nova de costas para o Mar

Tudo muda, até a surda-muda, eu sei que a piada é velha e boçal, mas eu sou boçal e caminho para uma idade indefenida, onde não se é "jove" nem se é cota, e as coisas custam a transitar dentro de um estado de espírito passageiro.

Se eu fosse gajo de dizer palavrões, escrevia agora que tenho a vida meio fodida, ou mesmo bastante fodida, mas como não sou, saga da merda que boia nas ondas continua em baixo...

Ontem fui dar uma volta para espairecer, andar a pé ao menos dá-me vistas para lavar os olhos, o tempo não ajuda, está como eu, cinzento e a puxar para o triste, Alto da Barra à minha direita, o forte onde o panasca do Portas morava à esquerda, o meu aspecto pouco simpáctico, o arrastar dos pés, as calças que se vão molhando e sujando com a àgua das chuvas, os cromos que passam de patins em linha armados em modernos, a cota do jogging, olho para todos, eu não tenho vergonha de mim a esse ponto. Não faço exercício para parecer mais aceitável, nem mudo para um desporto mais radical do que fumar cigarros.

É a saga! E ainda agora começou...


publicado por fenomenal às 11:48
link do post | comentar | favorito
Sábado, 4 de Novembro de 2006

Missa das nove

Deixado dentro de uma caixa e chorava, e ficou grávido, e era católico. Brilhante.
Enterrado num cemitério até à puberdade, onde enfiava os dedos, menos aos domingos.
E pensava em tudo menos nas estrelas, o som dos 80 partiu-lhe o coração.
E os anjos fatais vinham juntar-lhe os bocados.
Perdeu a virgindade com uma puta chamada maria,
dizia fode-me e eu fodia-lhe com a timidez,
mais tarde foi o rock, e os peitos que me impressionavam,
a mãe dizia que era assim, para onde olhas pá?
Somos todos jovens, ou fomos, e já foi, já...
E fodias gajas a torto e a direito. Aprendeu a amar. O comércio da solidão.
O cabelo paneleiro. Com "ai meu deus! Que anormal!"



A mãe é um macaco do congo, e todos os macacos saltam cá dentro nos meus ouvidos stereo. Podia ser uma família de malucos, mas não.
Salvem os meninos de braços magros, e agarrados à pressão da MTV. Viver sem máscaras de gáz, é possível ir para lá do metropolitano. E finalmente os dias passam sem nada de errado, e valeu a pena gastar palavras-desculpas. É a nobreza do que podia ser, dos compromissos alienados do metafísico, como é que te deixaste ir, e te cortaste do chão. Com tanta força e sem controlo, e sem sabermos nada, o vértigo comeu-te num turbilhão que já passou.

Sebadoh baby! E coisas assim.
Putas em alecrim.
Bacalhau ao mar,
sulcos nas camas das crianças que nos crescemos,
e riscos como veias,
e nós próprios apenas foda pecadora.
Ninguém chora por amor,
espera-se a definhar,
num lirismo do ser vazio,
que nunca está satisfeito.
Roda à direita, e vai.



Obrigado, obrigado outra vez, e soluços, e sons fortes.
Não tens pila, não entras. Podia ser um buraco de lésbica,
um grito afeiçoado e apregoado,
juntas os dedos com categoria,
sabes que lhe deste, e metes-te o anél no dedo,
e tu adoras malucas,
e penetras com a bola de banha,
e laca no cabelo,
e à tua paxaxa de cona de fufa,
há condes a chafurdar com champanhe
a tua cona não é Paris
e saltas, e berras, e saltas, e berras,
e gritas proporcionalmente à forma como lhe entrou,
aos turnos, dentro de ti,
e tu gostas, e tu amas e tu gritas,
e deixas-te foder com três dedos anelados.
Podia ser o Blair, podia ser o macaco do Bush,
mas nada disso interessa,
só tu gritas hoje, e a cona
do tamanho da casa,
aos turnos, em rotinas do inferno de gratidão.



É proibido ires deixar esperma na pedra fria,
é mentira.
Não percas é uma vida lá fora,
e um sol fotográfico que te ama
e vai mostrar à tua mãe.
Marco Paulo foge.

publicado por Bisbilhoteiro às 05:13
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 3 de Novembro de 2006

Onda-Choque e cágados

Geralmente ele matava as crianças com produto dos ratos, mas hoje não, hoje tinha que ter aparecido na televisão, e eu não mudara de canal. Silvina e Teodoro os meus dois filhotes - nem digo nada - morreram! O cabrão matou-os de asco e nojo e vómito acumulado à saída do esófago. Uma criança não está capacitada para ignorar estes monstros obtusos completamente anormais.



Podia ter ido com o meu Nicolau à praça, eram dois quilinhos de uvas, e umas cuecas. Mas isto de viver na Lapa e ouvir buraka ou buraca soundsystem, tem que se lhe diga. Para começar qual é o problema de eu, Dona de Lencastre e Castro tem em ouvir som de desnutridos negros da favela? Sim, o som em forma de batida rudimentar é esterco, mas eu sou assim! Adoro coisas novas! Isto das amigas pituxas e titias já não pega, o que tá a dar é ser preta. E ir vender-me aos bocados lá para Alfragide onde pretos da droga passam com o carro a alta velocidade. E ó para mim, eu a levantar a saia. A esperma de preto será branca?



Hoje em dia, até já leio em espanol ou espanhol, ou como se diz na Lapa: "som nasal para dentro e pretuberancia a armar que a iberia é de castela". adoraria sair deste antro e falar tal e qual o sopinhas badocha dos gato fedorento. Dizer coisas parvas, como: A mi novia le gusta el oblivion(unico juego que le gusta jugar cuando viene a casa xD),lo ve como una especie de SIMS mas moderno xD,le hice un personaje parecido a ella(es jodido hacer tias guapas en ese juego joer )y esta todo el rato comprando armaduras y ropa y tal xD,cuando ve un oso o un bicharraco le da miedo y me dice :
"matalo tuu!!"xDDD


publicado por Bisbilhoteiro às 12:42
link do post | comentar | favorito

ConCelhos FaXion IV

Olá, olá olá,


Amoris cá estou eu novamente, não contava que fosse ocorrer tão prontamente, mas recebi uma cartinha de uma leitora angustiada à qual não pude deixar sem resposta. Eis as dúvidas avassaladoras desta querida de seu nome Sissi.


“Querida Tia, eu na qualidade de lésbica moderna e leve (peso 44kilos), que roupa me aconhselha a usar quando for fazer "cruising"? Ultimamente não sou bem sucedida. Aliás sou lésbica e boa rapariga, mas nada demais. Não faço pesos nem sou maria rapaz, a ver se me entende. Beijos da Sissi. Espero ansiosamente por uma resposta contusiva sua.”



Querida amiga, o meu primeiro pensamento vai directo para o seu nome, não se acanhe nunca, afinal Sissi foi uma grande Imperatriz, de um dos maiores Impérios que já existiu. Para já não falar que se há alguem que sabia usar um trapinho era ela! Faça como a dita, não se acanhe perante as adversidades e lute!


Uma referência que a menina faz e não sei se com muito orgulho disso, é a de pesar 44 quilinhos, amorzinho, você deve ter uma figura e tanto (não me disse quanto media, por isso vou presumir que sera proporcional) o que quer dizer que provavelmente qualquer farrapito lhe assenta como uma luva! E como diz que não é maria rapaz, vou presumir novamente que sera uma moçoila de aspecto “lavadinho”. Lamento que as marias rapaz deste undo se sintam ofendidas, mas convenhamos uma Senhora é e sera sempre uma Senhora desde que se cuide dentro daquilo que considera apropriado. Já não há feministas, esse tempo passou, agora temos que ser femininas!!!



Mas o seu problema principal é não estar a ser bem sucedida nas suas voltinhas sociais, uma vez que tem problemas de vestuário… Relembro, a todas as queridas e fofas que me estão a ler ( aos fofos também…) que as mulheres se arranjam e vestem, única e exclusivamente umas para as outras (opções sexuais à parte!) posto isto minha querida, só tenho um conselho para sí, escolha o seu público alvo e vista-se a condizer, mas e isto é muito importante, não se mascare! O carnaval ainda está para chegar e o Halloween já passou, por isso fora destas datas, as mascaras estão proibidas. Como é uma jovem inteligente, não precisarei explicar o porquê, mas para mentes menos iluminadas cá vai: as Senhoras são umas cabras entre sí, mas também são poços de sensibilidade e uma farsa é sempre uma farsa. Todos gostamos de ir ao baile, mas nunca de levar baile!!!


Amori, espero ter sido contusiva o suficiente para sí, se continuar com dúvidas sobre esta ou outra questão, aqui a Tia Berta tem sempre uma palavrinha amiga para sí e para as Sissis deste recanto encantado, à beira-mar pousado.


Um grande Xi


Tia Berta


publicado por Bisbilhoteiro às 11:10
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 2 de Novembro de 2006

ConCelhos FaXion III

Olá olá olá,

Queriduchos, após longa ausência, resolvi dar um arzito da minha graça perante as luzes da ribalta, claro que não me esqueci da plebe e por isso amorzinhos, vos dedico este piqueno post.

Deparei-me há dias com um fantástico blog de seu nome: “Românticos Associados”, onde, de entre vários correspondentes se encontra um querido chamado Policia do Amor…
Calma, calma meninas incautas… não há cá algemas à vista, pelo menos por enquanto…
Ora este fofo, ensina algumas dicas de sedução aos moçoilos bravios deste nosso canto à beira mar plantado. Mas terá um probleminha apenas… não terá lá grandes conhecimentos do que é uma Senhora. Descobri nele a causa para todos os problemas de má sedução que pululam por este país afora. A par desta minha opinião, encontra-se um outro querido correspondente do mesmo blog, um amor de pessoa atenção, o Sr. Joni Santos. Que apesar de tecer algumas considerações acertadas, comete erros de atitude ainda maiores que o Sr. Guarda. Queridíssimo, isto é para sí, não seja assim tão querido nem fofo, que é meio caminho andado para que nenhuma Senhora lhe pegue…

Só tenho a acrescentar, que é uma pena que há mais de um ano não colaborem nos Românticos, sempre era um bom entretenimento. Tanto mais que aqui a vossa querida saiu da toca só para vos dar a conhecer estes fofos.



Já agora, amorzinhos Românticos, se me virem passar, digam olá, já sabem que eu estou sempre disponível para uma palavrinha amiga.

Bem agora deixo-vos, que tenho um chá marcado.

Um grande xi,

Tia Berta


publicado por Bisbilhoteiro às 18:14
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.pesquisar na Vaca

 

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Katya Da Bimba

. Dicionário Japonês

. Blowtime

. Conversas com o Doctor Ho...

. Passion Pit: Manners

. Um asno sem sentido único...

. Relembrar a PAM#7

. Relembrar a PAM#6

. Relembrar a PAM#5

. Relembrar a PAM#4

. Youtube fuck off

. Relembrar a PAM#3

. A Vaca é Moral

. Conversas com o Doctor Ho...

. Paulo Pedroso chupa-me o ...

. FC PORCO é campeãum...

. História com continuação

. Ryu paneleira da praça

. Roisin Murphy para vocês ...

. Satanás Loves Padre Pedóf...

.arquivos

. Abril 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

.tags

. todas as tags

.links

.subscrever feeds

SAPO Blogs

.subscrever feeds